Ouvi tua voz essa semana

E junto ouvi todas as minhas velhas fantasias

Não fiquei trêmula

Fiquei feliz, de uma felicidade tácita

Como quem sente o cheiro dum doce da infância

E não fareja para saber daonde vem

Ouvi tua voz essa semana

Mas não quis vestir de novo aquelas fantasias

Não porque cresci

Ou porque o carnaval passou

Simplesmente porque mesmo no carnaval

Uma bola vermelha no nariz não deixa de ser decadente.

Anúncios